Del.icio.us | Perfil | Contato

Carregando...

segunda-feira, janeiro 15, 2007

Eu quero dinheiro - Resposta ao J.Noronha

Recentemente (4 dias atrás) o J.Noronha redigiu o post Quem quer dinheiro? (Belíssimo, por sinal) no qual ele fala justamente de um problema que tange o Movimento dos Sem Nicho. Nesse post ele demonstra a visão maniqueísta dos que seguem uma linha editorial, e daqueles que vendem sua alma para o diabo para blogar por assuntos que não são nem de longe relacionados.

O problema dos , é que geralmente blogam assuntos que não sabem, fazendo assim artigos ruins. Esse é o sentimento degradante que o abandono de uma linha editorial gera.

Então a visão correta não é se existe o lado negro da força ou o lado branco com relação a bloggers com nicho bem definidos vs. bloggers do sem-nicho. A visão correta é Bloggers (e Webmasters) do bom conteúdo vs. Bloggers do conteúdo ruim.

A ausência de nicho, sinaliza que o conteúdo é ruim, por razões já debatidas, mas não implica necessariamente que é ruim. Ou seja, por não ter um foco, pode ser que a qualidade dos artigos caia. E isso geralmente é o que acontece. Então é aí que reside a baixa de qualidade e por isso talvez os Sem Nicho sejam ruins. Mas todas as regras têm suas excessões.

Quanto à questão ProBlogger, pra mim isso não existe. O que existe é WebMaster, e todos os Bloggers, são WebMasters (com relativa limitação). Ou seja, o Blogger é uma categoria de WebMaster, e por isso tem o direito de se remunerar por seu conteúdo, desde que esse seja relevante. Relevante (lato-sensus), porque como vimos, existem spammers de conteúdo, que adquirem conteúdo de outras fontes, para apenas exibir anúncios e se remunerar (atividade predatória, ineficiente, problema de externalidades negativas, rent-seeking, e todos aqueles problemas da economia neo-clássica).

Abraços



2 comentários:

j. noronha disse...

Muito boa a resposta, esse assunto é um que aparentemente não tem fim, e uma discussão é sempre boa na blogosfera.

Só vi o post agora, o blogger bem que poderia implementar um trackback.

S. disse...

Na verdade ele tem um sistema de trackback. Mas esse sistema tem vida própria, e é muito temperamental. Só funciona de vez enquando.